PARCERIAS ESTRATÉGICAS

O Sinduscon/Oeste prima muito pela qualidade e desenvolvimento de suas empresas associadas. Com isso, busca firmar parcerias estratégicas em benefício das empresas.

Como exemplo, destacamos:

Projeto Obra Nota 10
A indústria da construção civil vive em contínua modernização, tanto em novas tecnologias quanto em grandes ideias. Manter-se em sintonia permanente com as inovações é uma estratégia que garante lucratividade, maiores e melhores negócios.

Neste contexto, o Projeto Obra Nota 10 apresenta-se como uma iniciativa integradora da cadeia da construção do Oeste do Paraná. São pessoas e empresas que têm como compromisso maior priorizar a melhoria de qualidade nos serviços prestados pelo setor na região por meio da busca de novas tecnologias, processos e conhecimentos, troca de experiências e novas técnicas gerenciais e de processos produtivos.

Coordenado pelo Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae/PR), Sinduscon/Oeste-PR, Federação das Indústrias do Estado Paraná (Fiep) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o projeto tem como objetivos finais fortalecer as empresas para a competitividade no setor, aprimorar a mão-de-obra, reduzir o custo final das obras, ampliar as oportunidades de bons negócios e buscar a satisfação do mercado com os serviços da construção civil. O Obra Nota 10 visa melhorar o relacionamento entre empresários e consumidores com núcleos desenvolvidos para diversos segmentos específicos da construção civil.

O projeto conta com o apoio de 15 entidades ligadas ao setor.

 

Parceria Sesi/Senai
Estabelecemos várias parcerias com o Sistema formado pelo Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Senai, tais como:
- Convênio Saúde Ocupacional;
- Cartão Sesi;
- Realização de cursos aperfeiçoamento/qualificação;

Seguro de vida
Objetivando melhorar ainda mais as questões relevantes à segurança dos trabalhadores, o Sinduscon/Oeste-PR, no final de 2013, firmou convênio para oferecer, através do Chubb Seguros do Brasil, um seguro de vida para diretores, funcionários e estagiários das empresas ligados ao setor da construção civil.

O seguro cumpre diretriz da Convenção Coletiva de Trabalho 2013/2014 e visa utilizar da força do associativismo para reduzir custos e garantir que todos sejam assegurados por apenas R$ 5,53 por pessoa. A meta é que 40 mil vidas sejam contempladas através dessa parceria.